Volta.




A vida tem por vezes ficar complicada. Acho que tenho por tendência seguir para caminhos mais difíceis, pegar estradas irregulares, esburacadas e com curvas sinuosas. Sempre está a chover e a neblina dificulta ver a próxima entrada.
Passou-se um tempo e parece que cheguei ao fim da estrada, uma coisa nova aconteceu, tudo está tão claro a estrada acabou frente a uma linda vista, ali ao meio estão todos aqueles que uma vez encontrei no caminho e que de alguma forma fizeram mais feliz minha viagem. Algo me impulsiona a abraça-los, mas preciso apenas escolher qual abraçar primeiro, não há como abraçar o mundo de uma única vez, não o meu mundo! 
O problema está em quem escolher primeiro, e como todos os outros dias este tem sido de escolhas e medos que me invadem, só que agora todos eles estão se misturando, não tenho mais aquelas "caixinhas" que separam tudo, não tenho sido tão corajosa como Clarice, mas sim tão medrosa. O medo de tocar para pessoas que não sejam sua mãe e seu irmão, que tal nervosismo faz esquecer todas as letras e atrapalhar tudo, mas ainda bem que semana sim semana não ha um anjo mais velho ali para amparar. O medo de estar esquecendo a pessoa que mais senti afeto e confiei no último ano, o melhor é esquecer sei bem disso e estou esquecendo, aos poucos mas estou, porém ao mesmo tempo que o sentimento vai esfriando junto dele vão as lembranças, e pior que esquecer e arrancar a força toda paixão que ainda existe é esquecer toda lembrança boa que um dia existiu, e isso dá também medo, lembrar sem sentimento é o mesmo que não ter vivido tal momento. Mas se toda lembrança seja ela boa ou ruim traz junto uma lágrima então é melhor mesmo não tardar a arranca-las. Tem medo do futuro que está por vir, o receio de conviver com novas pessoas ou de continuar no mesmo lugar. 
A noite vem chegando e eu ainda não escolhi para qual correr, acho melhor voltar pelo caminho que vim, talvez nessa volta pegue algum desvio, passo por alguma trilha desconhecida para trazer um pouco de emoção. Isso, fiz minha decisão, essa é a melhor escolha, voltar, voltar para casa. Foi bom revê-los de novo. Quem sabe dou sorte e alguns de vocês não voltem comigo.

5 comentários:

  1. A Paz de Cristo, que bela iniciativa em nos presentear com esta maravilhosa postagem.
    Edificante para nós que estamos direcionados a evangelizar o mundo.

    A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu blog deixo aqui o convite:
    http://frutodoespirito9.blogspot.com/

    Em Cristo,

    ***Lucy***

    P.S. visite também o blog do irmão Araújo Jorge
    http://discipulodecristo7.blogspot.com/
    Temas bíblicos atuais e mensagens abençoadoras.

    ResponderExcluir
  2. Gostei de ver o seu caminho tão lindo como sempre. O dificil realmente é abraçar o mundo, porém a seleção é essencial para que possamos aproveitar as coisas melhores. Fico feliz que saiba a importancia. Grande beijo e abraço, saudades

    Dan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dan,obrigado por passar pelo meu caminho.
      Espero que sempre volte.
      ;*

      Excluir
  3. Blog fantástico, é para mim um privilégio poder ler as suas palavras, de certo que mais vezes virei aqui, no entanto agora vim para encontrar novos amigos e ao mesmo tempo divulgar meu blog.
    Quero apresentar o Peregrino E Servo. Gostava que visse meu blog e desejar fazer parte dos meus amigos virtuais esteja à vontade, mas faça-o apenas se desejar.
    Muitas felicidades e saúde.
    Sou António Batalha.

    ResponderExcluir

PENSAMENTOS::